Manifestação termina em tumulto na Central do Brasil

sexta-feira, 24 de outubro de 2014


Redação Rio Alerta notícias, com UOL

Uma manifestação de moradores do Morro da Providência, no Centro do Rio de Janeiro, terminou em confusão nos arredores da Central do Brasil, no início da noite de quinta-feira (23), de acordo com informações do 5º Batalhão da Polícia Militar. 

Durante o tumulto, pedras foram lançadas contra guardas municipais, que utilizaram bombas de gás lacrimogênio. Segundo informações da 4ª Delegacia da Polícia Civil, na confusão uma mulher foi atropelada e encaminhada ao Hospital Municipal Souza Aguiar sem gravidade. 

Um policial militar que atuou no local afirmou que a manifestação ocorreu por conta da morte de um morador da comunidade. 

A assessoria de imprensa da Guarda Municipal informou que a Unidade de Ordem Pública do Centro foi cercada por manifestantes que atiraram pedras contra o local, "sem motivo aparente". 

Ainda segundo o órgão, oito pessoas foram detidas, bombas foram apreendidas e quatro guardas tiveram ferimentos leves, todos sem gravidade.

Os manifestantes atearam fogo a objetos para fazer uma barricada. O foco de incêndio foi apagado pelo Corpo de Bombeiros. 

Por volta das 21h20, homens do Batalhão de Choque que foram acionados pelos guardas municipais lançaram bombas de efeito moral contra uma parte do grupo que permanecia no local.

Houve nova correria entre as pessoas que esperavam ônibus.
Neste horário, o acesso da Central do Brasil ao lado do Restaurante Popular permanecia fechado e os usuários só podiam entrar e sair no prédio pelo acesso lateral. 

Pedras, paus e outros objetos arremessados anteriormente pelos manifestantes continuavam no chão do prédio.

Por conta da confusão, duas entradas da estação de metrô da Central --do Ministério do Exército e do Campo de Santana-- foram temporariamente fechadas.

O Centro de Operações da Prefeitura do Rio informou, às 19h15, a Rua Bento Ribeiro, na altura do terminal rodoviário da Central do Brasil, havia sido interditada e que equipes da Guarda Municipal, da PM e da CET-Rio (Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio) atuavam na região. 

O trânsito, que apresentou retenções foi liberado minutos depois.

Leia Mais....

Esquema de segurança para 2º turno PMs começa nesta sexta


Redação Rio Alerta notícias

Começa às 13h desta sexta-feira (23) o esquema especial da Polícia Militar para o segundo turno das eleições no Rio de Janeiro. Foram escalados 35 mil agentes para reforçar a segurança no Estado até o próximo domingo (26), dia da votação.

O Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), o BPChoque (Batalhão Policial de Choque) e as UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora) também terão uma escala ampliada de trabalho. 
No domingo, 20 mil policiais militares vão patrulhar os 5.418 locais de urnas.
No primeiro turno, pelo menos 340 foram presos por boca de urna no Rio de Janeiro, sendo que 17 eram candidatos a deputados federais e estaduais que faziam campanha irregular. 
O TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral) vai manter a mesma fiscalização de propagandas ilegais.
De acordo com o TRE-RJ, Só é permitida a manifestação individual e silenciosa do eleitor por meio de adesivos, bandeiras, broches e dísticos. 
No dia da eleição, são proibidos a aglomeração de pessoas e veículos com material de propaganda, o uso de altofalantes, a realização de comícios, carreatas, transporte de eleitores e boca-de-urna, e qualquer espécie de propaganda de partidos políticos ou de candidatos em publicações, como panfletos e cartazes.

Leia Mais....

Confusão no Complexo da Maré interdita linha Vermelha

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Redação Rio Alerta notícias

A Linha Vermelha foi interditada na noite desta quinta-feira (23) após uma confusão no Complexo da Maré. 

Segundo testemunhas, houve uma confusão na Vila do João, e um grupo foi para a via expressa onde tentou atear fogo em um ônibus. O ataque foi impedido por policiais militares.

Segundo o BPVE (Batalhão Policiamento em Vias Expressas), por volta das 20h a situação já estava controlada e o ônibus depredado já havia sido retirado da pista e o trânsito estava sendo normalizado.
De acordo com o Centro de Operações, a via foi interditada na altura da linha Amarela. Os reflexos chegavam à São Cristóvão e ao Galeão, na zona norte.
Leia Mais....

Confronto entre ambulantes e Guarda Municipal na Central do Brasil



Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias

Foto: Whatsapp\Rio Alerta

Ambulantes e Guardas Municipais, entraram em confronto na Central do Brasil.

Não há informações sobre feridos.

A estação da Central do Brasil permanece fechada.

A rua Bento Ribeiro, foi liberada Guarda Municipal, CET Rio e PM na via.
Leia Mais....

Bicho-preguiça se acidenta em rede elétrica e é resgatado em Caxias



Redação Rio Alerta notícias

Um bicho-preguiça foi resgatado nesta terça-feira, na Taquara, em Duque de Caxias, por fiscais da secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento de Duque de Caxias, depois de ter se acidentado ao tocar os cabos da rede elétrica da Ampla. 

O mamífero foi visto por moradores da região, que acionaram o socorro.

O animal teve três dedos mutilados, sofreu queimadura de segundo grau e paralisia no lado direito do tronco devido à força da descarga elétrica.

De acordo com o órgão, o mamífero foi encaminhado para o hospital veterinário da Universidade Estácio de Sá, único da região metropolitana autorizado pelo Ibama para atendimento emergencial de animais silvestres, onde ainda será submetido a cirurgia.

Sem condições de retornar ao habitat da vida silvestre, o animal será levado para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) após a recuperação.

Para informar sobre o aparecimento de animais silvestres nas residências, a secretaria municipal de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento disponibiliza o telefone 2773-8520.
Leia Mais....

Homem é multado e incendeia viatura da Guarda Municipal



Redação Rio Alerta notícias

Inconformado por ter seu carro multado por guardas municipais, por volta das 23h desta quarta-feira, um homem ainda não identificado, de revólver em punho, resolveu tomar satisfação com os agentes da prefeitura do Rio. 

Ele saiu do prédio onde estava, na Rua Jaime Poggi, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, e disparou duas vezes contra eles. 

A arma falhou e os guardas se abrigaram na tentativa de se proteger contra novos tiros.


Nesse tempo, o homem ateou fogo na viatura da Guarda Municipal. Outros guardas que estavam próximo ao local, reprimindo o estacionamento irregular, foram alertados por pedestres e correram até o veículo. 

Um dos guardas, identificado como Rinaldo, tentou retirar documentos e pertences do interior do carro em chamas, e acabou se ferindo. 

O incendiário fugiu do local e a polícia está tentado idenficá-lo. 

Procurada, a Guarda Municipal confirmou o ataque à viatura na Rua Jaime Poggi. O órgão afirmou que não havia guardas no interior do veículo. 

O caso foi registrado como dano ao patrimônio na 32ª DP (Taquara).  
Leia Mais....

Carnavalesco da Imperatriz presta depoimento para identificar suspeito



Redação Rio Alerta notícias

O carnavalesco da Imperatriz Leopoldinense, Cahê Rodrigues, prestou depoimento na tarde desta quinta-feira na 4ª DP (Central do Brasil), para tentar identificar o bandido que o atacou na noite de terça na Central do Brasil.

Cahê foi à delegacia acompanhado de um advogado, já que ainda pode ser indiciado por lesão corporal por ter atropelado duas pessoas ao tentar escapar o criminoso.

A Polícia Civil não divulgou o resultado da tentativa de reconhecimento, para não atrapalhar as investigações.

Ainda muito machucado, com ferimentos no supercílio, queixo, peito e abdômen, o carnavalesco podia falar muito pouco e preferiu não conceder entrevista à imprensa. 

Segundo a assessoria da Imperatriz Leopoldinense, o seguro do carro de Cahê vai pagar os danos causados na Cidade do Samba e cobrir despesas médicas dos feridos. 

De acordo com a agremiação, ele deve voltar ao trabalho em uma semana.

Wellington Barbosa Sampaio, uma das vítimas do atropelamento, foi medicado e liberado no dia do acidente. Já Anderson Tomás Paixão, que trabalha como brigadista da Beija-Flor de Nilópolis, passou por cirurgia e segue internado no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro. 

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, seu estado é considerado estável.




Leia Mais....

Publicidade

 
RIO ALERTA © Rio Alerta comunicação, Rio de Janeiro 2013-2014 | Por: Template Para sites e Rio Alerta