Ultraleve leve cai e mata duas pessoas na Zona Oeste

sábado, 21 de julho de 2018
Ultraleve caiu próximo ao Clube Esportivo de Voo de Santa Cruz

Redação Rio Alerta


Duas pessoas morreram, na tarde deste sábado, após a queda de um ultraleve, na Rua Mariana, próximo ao Clube Esportivo de Voo de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. 


Dois ocupantes do avião, ainda não identificados, morreram no local. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, equipes do batalhão de Santa Cruz foram acionadas às 14h, e com a ajuda do Grupamento Aéreo encontraram o ultraleve em chamas. 

Nenhuma residência foi atingida e o fogo já foi controlado.
Leia Mais....

Bebê raptado após parto forçado em SP será levado para abrigo na Baixada Fluminense

Bebê foi resgatado em favela de Caxias pela polícia e casal foi preso, apontado como autores do parto forçado e assassinato da mãe da criança

Redação Rio Alerta


O bebê, raptado por um casal após a mãe ser obrigada a fazer um parto forçado, irá para um abrigo em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, assim que receber alta médica do Hospital Municipal Moacyr do Carmo, na mesma cidade. 


Ele deve deixar a unidade de saúde na próxima terça-feira. 

A decisão que determina sua ida para o abrigo Amor Maior é da juíza Juliana Kalichsztein, da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso de Duque de Caxias. 

Segundo o hospital, a criança tem estado de saúde estável.
Leia Mais....

Cinco criminosos são baleados e presos durante operação em Duque de Caxias

Na ação, foram apreendidos dois fuzis e duas pistolas

Redação Rio Alerta


Policiais do 15º BPM (Duque de Caxias) prenderam cinco criminosos após serem baleados, na manhã deste sábado, durante uma operação para combater o crime organizado na comunidade Vai Quem Quer, no bairro Parque Capivari, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. 


Dentre os presos está o criminosos conhecido como Esquilo, apontando como o chefe do tráfico da região. 

Segundo a Polícia Militar, criminosos armados atiraram contra as equipes e houve confronto. 

Os bandidos acabaram feridos e foram socorridos para o Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna. 

Na ação, foram apreendidos dois fuzis calibre 5.56 e duas pistolas 9mm. 

A ocorrência foi encaminhada para a 60ª DP (Campos Elíseos).
Leia Mais....

Ambulante é morto por bala perdida em Manguinhos



Redação Rio Alerta

Um ambulante foi morto por bala perdida, na noite de sexta-feira, em Manguinhos, na Zona Norte do Rio. 


José Carlos de Jesus de Almeida, de 45 anos, havia acabado de chegar do trabalho, quando foi atingido por tiros, que teriam sido disparados por policiais militares durante um confronto na comunidade.
Leia Mais....

Homem é ferido por estilhaços em tiroteio na Rocinha

Favela da Rocinha, na Zona Sul do Rio

Redação Rio Alerta

Um homem foi ferido por estilhaços, na tarde de sexta-feira, durante um tiroteio na Favela da Rocinha, Zona Sul do Rio. 

A vítima, de identidade ainda desconhecida, foi socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Rocinha. 

Ainda não há informações sobre a autoria do disparo que provocou o ferimento no homem. 

Segundo a Polícia Militar, equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizavam uma varredura na localidade Vila Verde quando foram surpreendidos por criminosos. 

Houve confronto, mas os criminosos conseguiram fugir. 

Posteriormente, agentes foram informados que um homem ferido deu entrada no UPA da região. 

A ocorrência está sendo investigada pela 11ª DP (Rocinha).
Leia Mais....

Agente da PRF morre após ser atropelado por van na Avenida Brasil

sexta-feira, 20 de julho de 2018

Redação Rio Alerta

Um agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) morreu após ser atropelado por uma van, na madrugada desta sexta-feira, na Avenida Brasil, na altura da Penha, na Zona Norte do Rio. Arnaldo Jaci Alves Rodrigues, de 44 anos, abordava com outros policiais um carro quando ele foi atingido por uma van. 

O motorista acabou preso. 

Arnaldo chegou a ser socorrido para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, no bairro, mas não resistiu aos ferimentos. 

O motorista do veículo foi preso na hora e levado para a 22ª DP (Penha), onde o caso foi registrado. A pista central da Avenida Brasil chegou a ficar interditada por quase 20 minutos conta do atropelamento do policial. 

A família do policial já foi comunicada do falecimento durante o serviço. 

Arnaldo era casado e tinha seis filhos. Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento do agente.
Leia Mais....

Defesa de Dr. Bumbum aponta que possível mau atendimento causou morte de bancária

O advogado Marcus Cezar Feres Braga, que defende Denis Cesar Barros Furtado

Redação Rio Alerta

A partir de agora, a principal linha de defesa de Denis César Barros Furtado e de sua mãe Maria de Fátima Barros Furtado é de que a culpa da morte da bancária Lilian Calixto, de 46 anos, foi do Hospital Barra D’or. 


Os defensores deverão sustentar que um possível mau atendimento na unidade de saúde foi a causa da morte da mulher. 

"Segundo o doutor Denis, ela se sentiu mal, mas chegou andando. 

Ele foi barrado no hospital, uma descortesia, e ele ficou do lado de fora e não sabemos o que aconteceu dentro do hospital. 

Pela segurança do hospital, não sei, mas de qualquer forma ele prestou socorro, imagens mostram isso. O que aconteceu após isso, no hospital, ele não sabe dizer. 

Só os conselhos (de Medicina) poderão falar algo sobre e a perícia", disse Marcus Cezar Braga, que defende o médico.

Por sua vez, o Barra D’or nega as acusações e diz, por nota, que "prestou adequado atendimento à paciente e que, devido ao caso, acionou as autoridades competentes".
Investigadores ouvidos  diz que essa sustentação dos advogados “não vai colar”. “Temos muitas provas contra ele. Não existe essa história de que não foi ele o culpado”, disse um policial que preferiu não se identificar.
Na primeira noite atrás das grades, na delegacia da Barra da Tijuca, investigadores contaram que, Maria de Fátima se recusou a prestar depoimento após dizer que estava se sentindo mal. Já Doutor Bumbum falou por horas com a delegada Adriana Belém que investiga o caso.
Mãe e filho dormiram em celas separadas. Durante a madrugada, uma tia de Doutor Bumbum e irmã de Maria de Fátima esteve na delegacia. Ao sair, a mulher que não se identificou, não quis falar com os jornalistas.
Doutor Bumbum e Maria de Fátima foram presos, às 15h desta quinta-feira, no escritório de Marcus Cezar Feres Braga, no 16º andar do Barra Space Center, após uma denúncia anônima. 
Os policiais do 31º BPM chegaram ao local e ambos estavam sentados em uma das salas. O advogado disse que solicitou a presença da PM e que não houve denúncia.
"Ele foi apresentado por mim. Solicitei a PM pela integridade e pela situação. Foi uma saída tumultuada e temendo a integridade física dele e a minha, mas havia populares que bateram no carro da polícia", disse.
Leia Mais....
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj