Polícia identifica segundo jovem morto no Pavão-Pavãozinho

quarta-feira, 23 de abril de 2014
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil (22/04/2014)

Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias 

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O segundo jovem encontrado morto no morro do Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, zona sul do Rio, foi identificado como Edilson da Silva dos Santos, de 27 anos. 

O corpo está no IML (Instituto Médico Legal) e, até a tarde desta quarta-feira (23), apenas um mulher que se disse mãe biológica dele havia se apresentado para reconhecê-lo. 

De acordo com a Delegacia de Ipanema (13ª DP), as investigações para apurar as circunstâncias das mortes de Santos e do dançarino Douglas Rafael da Silva Pereira estão em andamento. 

Policiais militares estão sendo ouvidos e familiares e testemunhas estão sendo chamados para prestar depoimento. 

A delegacia aguarda ainda o resultado dos laudos das perícias para esclarecer a causa das mortes. 

As investigações contam com o apoio da Divisão de Homicídios da Capital. 

Um laudo preliminar do IML teria apontado que o dançarino, conhecido como DG, morreu por perfuração no tórax. 

A primeira hipótese levantada havia sido a de que queda. 

Após a confirmação da morte dos jovens, moradores da comunidade fizeram protesto nas imediações da favela. 

Veículos foram queimados e houve confronto com a polícia. 

Ruas de Copacabana ficaram fechadas e muitos disparos foram ouvidos.
Leia Mais....

Avenida Brasil é reaberta antes do previsto após ficar interditada para obras da Transcarioca


Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias 

Após ficar dois dias fechada para mais uma etapa das obras da Transcarioca (que vai ligar a Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, ao aeroporto do Galeão, na Ilha do Governador, zona norte), o trecho da avenida Brasil, altura de Ramos, voltou ser reaberta, nos dois sentidos, por volta das 8h50 desta quarta-feira (23), segundo o Centro de Operações. 

Liberada 1h10 antes do previsto, a via estava interditada desde a noite do último domingo (20). 

Pela primeira vez, a grande avenida virou área de lazer para os moradores da região, como Complexo da Maré. 

Para evitar transtornos por causa da construção do arco do Viaduto Pedro Ernesto, estrutura que fará parte do BRT, a prefeitura montou uma operação que contou com 250 operadores da CET-Rio e agentes da Guarda Municipal, além de alterar temporariamente os trajetos de diversas linhas de ônibus. 

A Secretaria Municipal de Transporte também recomendou que motoristas utilizassem a linha Vermelha como alternativa à avenida Brasil. 

Apesar da operação, motoristas enfrentaram longos congestionamentos na via expressa no único dia útil de interdição da avenida, mesmo com a baixa movimentação, já que muitas pessoas não trabalham nesta terça-feira (22), que fica entre o feriado da Páscoa, no fim de semana, e do dia de São Jorge, na quarta-feira (23). 

Às 6h, a lentidão na avenida Brasil chegava até a altura da Penha. 

As rodovias Washington Luiz, que liga a região serrana ao Rio, e a Via Dutra, ligação entre Rio e São Paulo, também sofreram reflexos da interdição. 

Por volta das 9h30, havia congestionamento no sentido zona oeste da Brasil desde a altura de Manguinhos.
Leia Mais....

Adolescente fica ferido durante protesto por morte de dançarino em Copacabana



Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias

Um menino de 12 anos de idade foi baleado por volta das 18h de terça-feira (22) durante um protesto de moradores do Morro do Pavão-Pavãozinho na zona sul do Rio de Janeiro, segundo relatos de pessoas que vivem na comunidade.

Os manifestantes protestavam contra a morte do dançarino Douglas Rafael da Silva Pereira. O garoto, que, segundo os moradores, tem problemas mentais, foi atingido quando descia a ladeira San Roman, perto da esquina com a Rua Sá Ferreira, em Copacabana.

A ladeira San Roman, principal acesso ao Pavão-Pavãozinho, continuava bloqueada por várias fogueiras acesas pelos manifestantes por volta das 21h de terça.

Parte da comunidade estava sem energia elétrica. 

De acordo com informações passada há nossa Redação, o garoto ferido foi colocado em uma viatura e, depois, retirado do local.
Leia Mais....

Após sequestro, sargento da PM é resgatado em São Gonçalo

terça-feira, 22 de abril de 2014

Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias, com R7

Um sargento do batalhão de Itaboraí (35º BPM), região metropolitana do Rio, foi resgatado da Favela do Lixão, no bairro Porto do Rosa, em São Gonçalo, também na região metropolitana. 

Ele foi sequestrado na noite desta segunda-feira (21) após ser identificado como policial militar por bandidos da favela quando voltava para casa. 

Com um tiro na barriga, ele foi socorrido no Hospital Estadual Alberto Torres, no bairro Colubandê, em São Gonçalo, e permanece em estado estável. 

Para o resgate, policiais do batalhão de São Gonçalo (7º BPM) usaram veículos blindados e um helicóptero. 

O sequestro foi registrado na delegacia do município (72ª DP).
Leia Mais....

Corpo de dançarino é achado em favela na zona sul e moradores protestam



Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias


Foto: Roberta Trindade

Moradores do Pavão Pavãozinho, na zona sul do Rio, iniciaram um protesto na comunidade na tarde desta terça-feira (22) após o corpo de um morador ser encontrado em uma escola da favela. 


De acordo com familiares e amigos, o corpo seria do dançarino conhecido como DG, do Bonde da Madrugada. 


Após o corpo ser encontrado, moradores atearam fogos em pontos da comunidade e a polícia foi chamada para reforçar a segurança. 


O Pavão Pavãozinho fica entre os bairros de Copacapabana e Ipanema e tem uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora). 


No Twitter, usuários relatam barulhos de tiro e explosão em ruas próximas a comunidade, como a avenida Nossa Senhora de Copacabana. 


Segundo informações passada há nossa Redação, oito PMs, incluindo um tenente, estão encurralados em uma casa em frente ao depósito, próximo ao Mituca. Quatro estão feridos, incluindo o oficial.

O helicóptero do Grupamento Aeromarítimo (GAM) já sobrevoa a localidade, mas o apoio por terra não consegue chegar.

Bandidos estão atacando com bombas e tiros a base da UPP, ao lado do Espaço Criança Esperança.


De acordo com o Centro de Operações, o túnel Sá Freire foi interditado e o desvio estava sendo feito pela rua Miguel Lemos.



Leia Mais....

Italiano mata mulher, filha de três anos e atira contra a própria cabeça, no Jacarezinho


Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias

Um Italiano matou a mulher e a filha de três anos na segunda-feira (21), na favela do Jacarezinho, zona norte do Rio de Janeiro. 

Em seguida, Enrico Telece, de 58 anos, atirou contra a própria cabeça. 

E foi levado para o hospital Souza Aguiar, no Centro do RJ. 

A polícia chegou à casa da família instantes após o crime. 

Vizinhos pediram socorro após ouvirem tiros. 

No imóvel, os agentes encontraram muitas armas, há suspeita de que o estrangeiro faça parte de um esquema de tráfico de armas. 

Uma das hipóteses levantadas inicialmente é a de que o homem teria perdido o controle em razão de uma crise financeira vivida pela família. 

Apesar disso, nenhuma outra hipótese foi descartada, a Divisão de Homicídios aguarda pela recuperação de Enrico para poder ouvi-lo e evoluir na investigação.
Leia Mais....

Av. Brasil: engarrafamento marca manhã do único dia útil de interdição


Link permanente da imagem incorporada

Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias 


No único dia útil de interdição total da avenida Brasil, na altura de Ramos, na zona norte, para mais uma etapa das obras da Transcarioca, desde o início da manhã, motoristas enfrentam 

longos congestionamentos na via expressa, apesar da baixa movimentação, já que muitas pessoas não trabalham nesta terça-feira (22), que fica entre o feriado da Páscoa, no fim de semana, e do dia de São Jorge, na quarta-feira (23). 

Às 6h, a lentidão na avenida Brasil chegava até a altura da Penha. 

As rodovias Washington Luiz, que liga a região serrana ao Rio, e a Via Dutra, ligação entre Rio e São Paulo, também sofreram reflexos da interdição. 

Por volta das 9h30, havia congestionamento no sentido zona oeste da Brasil desde a altura de Manguinhos. Já no sentido Centro, a lentidão era apenas no trecho das obras. 

A melhor opção para o motorista era seguir pela Linha Vermelha, que apresentava trânsito intenso, mas sem lentidão nos dois sentidos. 

A avenida Brasil foi interditada às 22h do domingo de Páscoa (20) e ficará fechada até às 10h de quarta-feira (23). 

A interdição é para conclusão do arco estaiado da Trans carioca — corredor que vai ligar a Barra da Tijuca, na zona oeste, ao aeroporto Internacional Antonio Carlos Jobim, na Ilha do Governador, zona norte.  
A prefeitura do Rio estima que, por dia, cerca de 400 mil passageiros sejam beneficiados pela Transcarioca. O tempo de viagem no trecho deve ser reduzido pela metade. 

O corredor terá 39 quilômetros de extensão, com 45 estações, três terminais, três mergulhões, 10 viadutos e nove pontes, sendo duas estaiadas.
Leia Mais....

Publicidade

 
RIO ALERTA © Rio Alerta comunicação, Rio de Janeiro 2013-2014 | Por: Template Para sites e Rio Alerta