Carro invade calçada e atinge pedestres na zona norte do Rio

quinta-feira, 21 de agosto de 2014


Redação Rio Alerta notícias, com R7

Duas mulheres ficaram feridas quando um carro invadiu uma loja na Penha, zona norte do Rio. 

O veículo seguia pela avenida Brás de Pina quando foi atingido por um ônibus. 

O motorista perdeu o controle do carro e invadiu a calçada. 

Na calçada, não havia os blocos de concreto utilizados para impedir o estacionamento irregular, que poderiam evitar o atropelamento. 

As vítimas foram encaminhadas para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha.
Leia Mais....

Seop estoura depósito irregular de ambulantes com 40 botijões de gás

quarta-feira, 20 de agosto de 2014


Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias


A Secretaria Especial de Ordem Pública (Seop) estourou nesta quarta-feira um depósito de ambulantes, localizado no Centro Histórico do Rio, na Rua Primeiro de Março, e que armazenava irregularmente mais de 40 botijões de gás. 


No local, os agentes encontraram materiais de vendedores como carrocinhas, burrinho sem rabo, isopores, além de produtos servidos nas ruas misturados à sujeira e esgoto. 

A Vigilância Sanitária também esteve no local, e, segundo o órgão, eram insalubres as condições de armazenamento de alimentos perecíveis (mortadela, queijo e sanduíches). 

O dono do estabelecimento, Célio Fernandes de Lima, inspetor aposentado da Polícia Civil, foi detido pelo estoque dos botijões e levado para 1ª DP (Praça Mauá). 

O depósito foi interditado por fiscais de Atividades Econômicas e pela Vigilância Sanitária. 

A Defesa Civil também esteve no local e interditou o imóvel pela falta de condições de utilização.

Os agentes da Ordem Pública apreenderam no depósito 37 carroças, 28 burros sem rabo, 12 isopores, nove barracas de ambulante, nove carrocinhas de coco, além de 50 kg de doces e 400 produtos eletrônicos. 

Nove caminhões, com 45 toneladas de carroças e lixo, foram retirados do local.
Leia Mais....

Subtenente morre durante teste físico do Corpo de Bombeiros



Bruno Oliveira, Redação Rio Alerta notícias

Um subtenente dos Bombeiros morreu na manhã desta quarta-feira durante a realização de um teste físico de rotina, por volta das 8h30, no Campo de Santana, no Centro. 

De acordo com a assessoria de imprensa da corporação, o militar de 31 anos, que não teve o nome divulgado, foi atendido pela ambulância que acompanhava o teste físico e encaminhado ao posto médico do Quartel Central, mas não resistiu ao infarto fulminante e faleceu. 

Segundo informações passada há nossa Redação, ele estava desde de 2002 nos bombeiros e fazia parte da banda da corporação. 

Morador de Petrópolis, na Região Serrana, o militar era casado e sua esposa está grávida. 

"A corporação está comovida e todas as providências de assistência aos familiares estão sendo tomadas", diz a nota enviada pelo Corpo de Bombeiros.

Leia Mais....

Suspeito morre em fuga da polícia na zona sul do Rio


Redação Rio Alerta notícias, com R7

Um suspeito de roubo morreu na madrugada desta quarta-feira (20) ao sofrer um infarto enquanto fugia da polícia no Cosme Velho, na zona sul do Rio, segundo informações do Batalhão de Polícia Militar de Botafogo (2º BPM). 

O homem havia acabado de assaltar um ônibus da linha 584 (Cosme Velho-Leblon), com a ajuda de um comparsa, quando os policiais militares foram acionados. 

Ainda de acordo com a PM, o suspeito tropeçou e começou a ter um infarto. 

Ele morreu no local. 

O comparsa tentou fugir pelo rio Carioca, mas foi alcançado pelos PMs e preso. 

O homem foi encaminhado para a Delegacia de Botafogo (10ª DP), onde o caso foi registrado.
Leia Mais....

Delegado reage a assalto, mata suspeito e deixa dois baleados na zona norte



R7

O delegado Rodrigo Barros, adjunto da Delegacia do Engenho Novo (25ª DP), reagiu a um assalto na rua Ana Neri, em Benfica, na zona norte do Rio, e atirou contra um grupo de bandidos no começo manhã desta quarta-feira (20). 

Um dos suspeitos morreu na hora. 

Dois integrantes do bando ficaram feridos e foram levados para o hospital Salgado Filho. 

O delegado não ficou ferido. Um menor, que também estava no grupo, foi apreendido. 

O trânsito foi interditado na rua Ana Neri e houve engarrafamento no viaduto Ana Neri e em grande parte do bairro. 

Policiais militares do Batalhão da Maré (22º BPM) e isolaram a área para preservar a cena do crime. O caso foi encaminhado para a 25ª DP.
Leia Mais....

Ônibus são incendiados na região do Complexo do Lins


Redação Rio Alerta notícias, com R7


Ônibus foram incendiados na noite de terça-feira (19) perto do Complexo do Lins, na zona norte do Rio, após o registro de intenso tiroteio. 

Os coletivos foram incendiados na autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, que foi bloqueada. 

Até o horário da publicação desta reportagem, não havia informações sobre feridos. 

Policiais militares da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) estavam na região da rua Lins de Vasconcelos. Desde domingo passado (17), o clima é tenso na região em razão da morte de uma mulher. 

Joana Darc Brito, de 26 anos, foi atingida por uma bala perdida. 

Ela foi baleada quando saía de casa, na favela do Gambá, por volta das 19h de domingo. O tiro de fuzil atravessou o corpo da moça e provocou uma forte hemorragia interna. 

A vítima chegou a ser internada no Hospital Naval Marcílio Dias. 

A vítima foi sepultada na tarde desta terça-feira (19) no cemitério do Inhaúma, na zona norte.
Leia Mais....

Acusados de envolvimento em morte de cinegrafista Santiago vão a júri popular


Redação Rio Alerta notícias

Caio Silva de Souza e Fábio Raposo Barbosa serão submetidos a júri popular. 

A decisão foi tomada pelo juiz Murilo Kieling, titular da 3ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio, nesta terça-feira (19). 

A data do júri ainda não foi definida e está condicionada a possíveis recursos da defesa. 

Os jovens são acusados de terem acendido o rojão que provocou a morte do cinegrafista Santiago Andrade durante um protesto em fevereiro deste ano. 

Os acusados respondem por homicídio triplamente qualificado — motivo torpe, uso de explosivo e mediante recurso que tornou impossível a defesa da vítima. 

O juiz manteve os réus presos. No dia do protesto na Central do Brasil, em 6 de fevereiro, Caio e Fábio posicionaram o rojão no chão, próximo a um canteiro, e o acenderam. 

O artefato atingiu Santiago, que sofreu fratura do crânio e teve morte cerebral em 10 de fevereiro.
Leia Mais....

Publicidade

 
RIO ALERTA © Rio Alerta comunicação, Rio de Janeiro 2013-2014 | Por: Template Para sites e Rio Alerta