Crime na Lagoa: MP pede internação de menor após roubo seguido de morte de ciclista

segunda-feira, 25 de maio de 2015


Redação Rio Alerta notícias

A 2ª Promotoria de Justiça da Infância e da Juventude vai oferecer à Justiça, ainda nesta segunda-feira (25), uma representação com requerimento de internação provisória do menor suspeito de participar da morte do médico Jaime Gold. Segundo o MP-RJ, a representação é por ato infracional análogo ao crime de latrocínio.

Ainda segundo o MP-RJ, após decisão judicial sobre pedido da internação provisória e recebimento da representação, o processo tem prazo de 45 dias para ser julgado. Somente após sentença, a medida socioeducativa a ser adotada poderá ser decidida.
Na tarde desta segunda-feira (25), durante uma audiência no Fórum de Olaria, o menor de idade negou à Promotoria envolvimento no crime, segundo informou o advogado Alberto Junior que acompanhou a audiência.
O adolescente foi ouvido pela promotora de Justiça da Infância e da Juventude Luciana Benisti durante pouco mais de uma hora. 
O defensor disse que o adolescente de 16 anos afirma que não estava no local na hora do crime, mas na casa dele em Manguinhos, zona norte do Rio. De acordo com o MP-RJ, o teor do depoimento não pode ser divulgado, pois o processo corre em segredo de Justiça.
A mãe do adolescente também foi ouvida. Advogados acompanharam a oitiva. Ao deixar a sala de audiência, ela preferiu não falar com a imprensa. 
A polícia ainda busca um segundo suspeito que teria participado do ataque ao médico Jaime Gold.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj