Rio Alerta

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Redação Rio Alerta

Com dois anos completos nesta quinta-feira (20), o Programa Lixo Zero, que atua em 128 bairros do Rio, efetuou 113.376 multas, a maioria para descarte irregular de pequenos resíduos. 

De acordo com a prefeitura, das 45.078 que foram pagas, R$ 7.385.413,27 foram revertidos para o projeto. 

Nesse aniversário, as novidades são as possibilidades de pagar a multa no momento em que a pessoa é autuada e fazer o parcelamento do valor. Até o fim de 2015, os fiscais usarão máquina de débito e crédito para facilitar os pagamentos. 

Os valores das penalidades variam entre R$ 115 e R$ 3.693, dependendo da infração. Latas de refrigerante podem custar R$ 185 ao cidadão se forem descartadas no chão, enquanto que entulhos acumulados em depósitos irregulares saem a R$ 3.693 para o infrator. 

A prefeitura informou que o programa auxiliou na redução de 63% do lixo desprezado incorretamente. 

A fiscalização será expandida para a Barra da Tijuca, Recreio dos Bandeirantes e Jacarepaguá, bairro em que haverá um posto do Lixo Zero. 

Para os Jogos Olímpicos de 2016, a Comlurb tem treinado os agentes de fiscalização com aulas de noções básicas da língua inglesa e espanhola. 

Os turistas que chegam à cidade por aeroportos e rodovias receberão folhetos sobre o programa.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj