Suspeito de matar duas pessoas na Ceasa é preso no Rio

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Redação Rio Alerta notícias

Policiais do Batalhão de Choque prenderam nesta quarta-feira (19) um dos suspeitos de assassinar duas pessoas no Ceasa na segunda-feira (17). 

Ele estava em uma casa no bairro de Rocha Miranda, zona norte do Rio. A ocorrência foi encaminhada para a Divisão de Homicídios. 

Colegas de trabalho, Antenor dos Santos Neto e Mariane foram até o centro comercial para depositar o malote em uma agência bancária. 

O dinheiro iria pagar impostos. Um segurança da Ceasa viu que a jovem tinha sido assaltada e reagiu. A troca de tiros foi intensa. 

Ele também acabou baleado, mas de raspão.

Joyce da Silva, irmã da vítima, informou que, constantemente, Mariane era obrigada a transportar dinheiro.
— Como que pode vir, com mochila de dinheiro, não sei qual era a quantidade, com R$ 50 mil, R$ 100 mil pra cima, depositar com um Fusca, com um segurança sem uma arma, e o carro forte? 

Não existe isso.
Por outro lado, os advogados da empresa afirmaram que, pela primeira vez, a moça fazia o transporte do malote. Edson Costa disse que era um caso extraordinário.

— Houve uma necessidade de pagamento. Hoje já é dia 17, estamos nos aproximando do pagamento, por exemplo, da GFIP (Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social), e por isso ela compareceu, juntamente com outro colega de trabalho, que atua também na tesouraria, para fazer a quitação dos tributos devidos.

A família de Mariane segue inconformada com a situação. Joyce desabafou sobre o caso.
— Minha irmã morreu igual a um bandido, jogada no chão. Isso é uma humilhação.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj