Militar da FAB é morto por agente do Centro Presente durante confusão

segunda-feira, 27 de novembro de 2017


Redação Rio Alerta 

Um militar da Força Aérea Brasileira (FAB), identificado como Bruno Estrela de Souza Martins, de 25 anos, foi morto por um agente do Centro Presente, no fim da manhã desta segunda-feira, no Terminal Rodoviário Procópio Ferreira, na Central do Brasil. 

Os agentes presenciaram uma discussão envolvendo Bruno e sua namorada e, ao intervirem na briga, um deles atirou contra o rapaz. 

Segundo as primeiras informações, o militar teria feito menção de sacar uma arma e colocado a mão na cintura após a abordagem dos agentes.

O jovem foi socorrido para o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, e de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), já chegou morto na unidade. 
A Delegacia de Homicídios (DH/Capital) foi acionada e investiga o caso.
Procuradaa Força Aérea Brasileira lamentou a morte de Bruno e informou que está prestando todo apoio à família do rapaz. 
O Centro Presente não informou se o agente envolvido no caso sofrerá alguma punição.

Confusão na Lapa
Na madrugada desta segunda-feira, os agentes do Lapa Presente presenciaram outra confusão. 
Ao patrulharem a Avenida Visconde de Rio Branco, esquina com Gomes Freire, os militares viram uma briga entre uma transexual e um homem, que desmaiou no local.

Um outro homem tentou intervir e efetuou disparos para o alto após a transexual tentar agredí-lo com uma faca e fugir. 
A vítima da agressão e o autor dos disparos, que não foram identificados, seguiram à 5ª DP (Mem de Sá), onde o caso foi registrado.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj