Há previsão de chuva para a virada do ano

sexta-feira, 29 de dezembro de 2017


Redação TV Rio Alerta


Mesmo com tempo fechado e chuva fraca, o clima na Orla de Copacabana nesta quinta-feira já era de festa com cariocas e turistas ansiosos para dar as boas-vindas a 2018 no Réveillon mais famoso do Brasil. 

A previsão do Sistema Alerta Rio para o dia 31 na cidade aponta a possibilidade de pancadas chuva a qualquer hora, sobretudo à tarde e à noite, com raios e ventos de moderados a fortes, mas os convidados que já começaram a chegar mantém a animação em alta e só estavam preocupados em lavar a alma na virada. 

Hoje, já começam os shows no palco instalado na altura do Copacabana Palace, com a Orquestra Tabajara, de 21h às 23h. 

Enquanto, na estrutura montada na areia, funcionários puxavam cabos daqui e testavam dali, o casal de argentinos Marcos Visentin e Yanette Hugo, ambos de 30 anos, aproveitou o primeiro dia no Rio para se refrescar do calorão com banho de mar, mesmo com céu nublado. 

"Copacabana é incomparável com qualquer lugar do mundo. Não importa o tempo fechado. Estamos realizando nosso grande sonho de 2018, que é passar o Réveillon aqui", vibrou Yanette.

A boliviana Silvana Jordan terá motivos em dobro para comemorar o show pirotécnico de 17 minutos: ela completa 30 anos no dia 1º. 
Nesta quinta-feira, fez selfies com o marido na frente do castelo de areia na orla. "Viemos com um grupo de 15 pessoas de Santa Cruz, na Bolívia. 
Estamos empolgados para assistir aos fogos e compartilhar essa experiência incrível em Copacabana com a família", disse ela. 
O casal ainda nem sabe quais são os artistas que irão se apresentar, mas vai chegar três horas antes da meia-noite à praia para aproveitar todos os momentos.
Vários braços trabalham direta ou indiretamente para garantir a satisfação do público, estimado em 3 milhões de pessoas. 
Funcionários de operadoras de telefonia móvel instalaram ontem superantenas na calçada oposta à praia para reforçar a oferta de sinal. 
Isso reduz o risco de não conseguir trocar mensagens ou fazer e receber ligações na noite da virada, já que o sinal costuma ficar congestionado devido à alta da demanda. As balsas de fogos serão vistoriadas na Ilha do Governador hoje às 10h.

O catador de latas Sebastião José Thomaz, 51, presta sua contribuição para deixar a areia limpa. Morador de Belford Roxo, revelou que, só no Réveillon, fatura até R$ 2 mil com a venda do alumínio para reciclagem. 
A solidariedade aflorada nessa época do ano era expressada em cada banhista que esticava o braço para entregar suas latinhas. 
"Venho com quatro amigos. Enquanto a gente vem recolhendo, um toma conta do monte", explicou. 
Os desejos de Sebastião para 2018 representam os de muitos brasileiros: "Ter um serviço melhor e dar uma vida tranquila para minha família."
O tempo deve ficar instável, com pancadas de chuva a qualquer hora, de hoje até segunda, informou o Alerta Rio. 
No último dia do ano, a previsão é de calor, com temperatura em elevação.
Estacionar vai custar caro
A prefeitura recomenda que a melhor forma de ir curtir a festa é o transporte público, já que as ruas de Copacabana serão interditadas gradativamente no dia 31. Os acessos externos ao bairro serão fechados a partir das 19h. 
Quem for de carro, além de chegar mais cedo, deve preparar o bolso. Estacionamentos rotativos fazem reservas por diária a R$ 100. 
Mas moradores alertam que os estabelecimentos aproveitam o sufoco por vaga para cobrar até R$ 300 na véspera de Ano Novo.
A circulação de ônibus em Copacabana será permitida até as 22h. Depois, terá início a operação dos terminais na enseada de Botafogo (Avenida das Nações Unidas) e Ipanema (Rua Prudente de Morais e Avenida Vieira Souto). 
A reabertura das vias começa às 5h de segunda-feira. Para embarcar no metrô das 19h às 5h, é preciso bilhete especial, que custa R$ 4,30. 
A venda termina hoje nas estações Pavuna, Uruguai, Central, Carioca, Glória e Jardim Oceânico, das 10h às 21h. 
Amanhã e domingo, só serão vendidos na Carioca, das 10h às 21h e das 10h às 19h, respectivamente.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj