Polícia prende suspeitos de esfaquear empresário após marcar encontro no Tinder

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018
Presos em MG suspeitos de esfaquear empresário na Barra da Tijuca


Redação Rio Alerta

Os suspeitos de esfaquear o empresário Roberto Del Cima, de 69 anos, após um encontro marcado pelo Tinder, foram presos nesta quinta-feira, em Juiz de Fora, em Minas Gerais. 

De acordo com a Polícia Civil, Sergiara de Oliveira Ribeiro, 24 anos, que se identificava como Vivian no aplicativo, e Victor Hugo Dias Almeida, 26 anos, foram encontrados pelos agentes em um hotel. 


Segundo a polícia, o casal usava o mesmo veículo utilizado no crime, ainda com vestígios de sangue, com pertences que foram levados da vítima e uma peruca que teria sido usada por Sergiara no encontro. 


A Polícia Civil informou, ainda, que investiga se Sergiara usou "boa noite Cinderela" para dopar o empresário.



Roberto Del Cima está internado no Hospital Barra D'Or, no mesmo bairro.
O caso
O empresário Roberto Del Cima, 69 anos, que foi esfaqueado, na casa em que mora, no Condomínio Santa Mônica Jardins, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, na noite desta terça-feira. Ele teve cortes superficiais pelo corpo . 
A empregada estava em casa quando ocorreu o crime. 
Ela disse que ouviu os gritos do empresário e, quando saiu do próprio quarto, viu um homem andando pela escada que dá acesso ao cômodo. 
A funcionária contou que fugiu pelo telhado da residência, andou por cima do muro e correu até a portaria do prédio para pedir ajuda. 
Enquanto isso, de acordo com a Polícia Civil, os suspeitos deixavam o local em um veículo Jeep Renegade branco.
Aplicativo tem dicas de segurança
Na página do Tinder, existe uma parte dedicada à segurança do usuário. 
Nesta sessão do aplicativo, é ensinado como marcar encontros com segurança e, ainda, é enfatizado que essa é uma prioridade da plataforma. 
Para isso, é dado um passo-a-passo de como deve ser o comportamento online e offline no aplicativo. Telefonar para o 190 é a opção mais assertiva em caso de perigo.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj