Exército continua "cabo de guerra" para retirar barricadas no Rio

quarta-feira, 7 de março de 2018
Moradores relatam que criminosos recolocam obstáculos após operações

Redação Rio Alerta 

O Comando Conjunto e a Secretaria de Segurança Pública, sob coordenação do Gabinete de Intervenção Federal, deflagraram, na manhã desta segunda-feira (7), uma nova operação na Comunidade de Vila Kennedy, zona oeste do Rio do Janeiro.


Segunda ação com as Forças Armadas desde o último sábado (3) e a quarta em 2018, 900 militares estão envolvidos, contando com o apoio de blindados, aeronaves e equipamentos pesados de engenharia.
O objetivo da operação, segundo o Gabinete de Intervenção, é realizar um cerco, além de uma estabilização dinâmica da área e desobstrução de vias, com a eventual possibilidade de cumprimento de mandados de prisão pela Polícia Civil.
Cabo de Guerra
Durante o último domingo (4), um dia após 1.400 militares das Forças Armadas retiraram cerca de 16 barricadas que obstruíam vias da Vila Kennedy, moradores da comunidade relataram que criminosos haviam recolocado as mesmas cerca de cinco horas após a saída das forças de segurança.
Em resposta, a Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) e a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Vila Kennedy realizaram uma operação durante a manhã de terça-feira (6) para, novamente, desobstruir as vias.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj