Prefeitura do Rio realiza ações de prevenção e fiscalização no Comida di Buteco

quinta-feira, 12 de abril de 2018
Vigilância Sanitária promove curso funcionários de restaurantes do Comida Di Buteco

Redação Rio Alerta


A Prefeitura do Rio vai realizar, pela primeira vez, ações de prevenção e fiscalização no tradicional concurso Comida di Buteco, que chega à sua 11ª edição carioca. 

Nesta quinta-feira, dia 12, médicos-veterinários da médicos-veterinários da Superintendência de Educação da Vigilância Sanitária promovem o curso de Noções Básicas de Higiene na Manipulação de Alimentos para cozinheiros, garçons, nutricionistas e donos dos 51 bares e restaurantes do Rio que estarão no festival gastronômico.


Depois da ação de prevenção, técnicos vão conferir se as orientações repassadas estão sendo seguidas pelos estabelecimentos que durante um mês, a partir desta sexta, 13, oferecerão pratos da chamada cozinha de raiz do Brasil. 
Lançado há 19 anos em Minas Gerais, o Comida di Buteco ganhou outros estados do Brasil, e em 2018 terá versões em 21 cidades.
O curso acontece das 14h às 17h, na sede da Vigilância Sanitária, na Rua do Lavradio, 180, Lapa. O foco são orientações sobre os cuidados higiênico-sanitários para diminuir riscos como os de contaminação alimentar. 
No encontro, serão apresentadas normas para a higiene e controle de alimentos, formas de contaminações microbianas e outras consequências da manipulação incorreta dos produtos, e ainda dicas de conservação e armazenamento.
A legislação e o ambiente de trabalho estão entre os temas do curso que ensina regras de asseio, higiene pessoal, lavagem, desinfecção e de controle de insetos e roedores.
A Vigilância Sanitária reforça que a prevenção de riscos pode também ser feita pelo público do festival, denunciando à Central de Atendimento 1746 casos de condições de higiene inadequadas e alimentos suspeitos, entre outras irregularidades.
Todas as demandas serão encaminhadas ao órgão para fiscalização e, se necessário, aplicação das penalidades previstas em lei. 
Para saber o que denunciar, o órgão disponibiliza dicas e orientações sobre a comercialização adequada de produtos e serviços relacionados a alimentos e saúde no site www.prefeitura.rio/vigilanciasanitaria.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj