Aluna sofre sequestro-relâmpago na UFRJ

terça-feira, 22 de maio de 2018
Insegurança da UFRJ. Grande ocorrência de assaltos a pedestres e sequestros. Além da falta de segurança, obras abandonadas que servem de moradia e esconderijos para ladrões, moradores de rua e viciados em drogas. Estacionamento do Hospital Universitário ( HUCFF ) onde segundo relatos ocorre assaltos. Local sem iluminação e segurança. Foto: Daniel Castelo Branco / Agência O Dia

Redação Rio Alerta

Uma aluna do curso de nutrição da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) do campus Ilha do Fundão foi vítima de sequestro-relâmpago, na tarde de segunda-feira, três dias após um casal de pesquisadores sofrer o mesmo tipo de crime, na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio. 

A vítima, que estagia em um dos laboratórios do Instituto de Pesquisa Carlos Chagas Filho, foi abordada por dois homens armadas e capturada no bloco N do Centro de Ciência da Saúde da universidade. 

A jovem teve os pertences roubados (uma mochila, um computador e um celular) e foi obrigada a sacar dinheiro para os bandidos. 

O incidente aconteceu por volta de 16h50 e a estudante ficou 20 min em poder dos criminosos, sendo liberada na altura do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho. 

A informação confirmada pela Divisão de Segurança da Universidade.

Durante o percurso, os criminosos disseram que deveriam dar uma 'voltinha mais longa' com a vítima. A jovem não se feriu. 

Procuradas, a UFRJ e a Polícia Civil ainda não se pronunciaram sobre o caso.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj