Megaoperação com forças de segurança entra no segundo dia seguido em Jacarepaguá

sexta-feira, 8 de junho de 2018
Militares na Cidade de Deus

Redação Rio Alerta


A megaoperação das Forças Armadas em seis comunidades de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, segue pelo segundo dia consecutivo, nesta sexta-feira. 


No último balanço divulgado na tarde de ontem havia 15 detenções e três mortes. A ação, por tem indeterminado, acontece na Cidade de Deus, Gardênia Azul, Outeiro, Vila do Sapê, Parque Dois Irmãos e Morro da Helena.  

Na operação atuam 4.600 militares das Forças Armadas. Nesta quinta-feira, também eram empregados 420 policiais militares e 350 policiais civis, com apoio de blindados, aeronaves e equipamentos pesados de engenharia. 

Não houve interferência nas operações dos aeroportos. A Grajaú-Jacarepaguá ficou fechada a maior parte da manhã. 

Hoje, a circulação acontece sem problemas e PMs da UPP Lins reforçam o patrulhamento. As três mortes desta quinta incluem um soldado batedor do Exército, que também vitimou um homem que foi atropelado pela moto do militar. 

O caso aconteceu na Avenida Brasil, na altura do Parque União, região onde se concentra muitos usuários de drogas. 

A arma do soldado chegou a ser levada, mas foi recuperada depois intacta. 

Na ação na região de Jacarepaguá, dois celulares, três pistolas, dois rádios transmissores, uma granada, drogas - ainda não quantificadas - e cartuchos de fuzil e pistola foram apreendidos também. 

De acordo com o coronel Carlos Cinelli, porta-voz do Comando Militar do Leste (CML), essa é uma das maiores ações no âmbito da intervenção no estado, tanto pelo número de militares quanto pela região abrangida.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj