Mulher baleada na Barra da Tijuca recebe alta

sábado, 30 de junho de 2018
Resultado de imagem para Mulher baleada na Barra da Tijuca recebe alta

Redação Rio Alerta


A mulher baleada na última sexta-feira na Avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste, teve alta na manhã deste sábado. 


Ela e o namorado foram feridos em um ataque a tiros após deixarem a 32ª DP (Taquara). 

Paulo Henrique Goulart, de 43 anos, ex-namorado de uma das vítimas, é apontado como autor dos disparos. 

A Polícia Civil já representou junto à Justiça a prisão do suspeito e realiza diligências em várias regiões para prendê-lo. 

O homem continua internado no Hospital Municipal Lourenço Jorge, também na Barra. Ele segue internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI), e tem estado de saúde estável.

O carro em que o casal estava tem pelo menos 11 marcas de tiros, a maioria na parte frontal do veículo. O homem foi atingido por três tiros: um no braço e dois na região do abdômen.
De acordo com familiares, Paulo e a vítima moraram juntos por cerca de 1 ano, não tinham filhos e estavam separados a seis meses, mas Paulo não aceitava o fim do relacionamento. 
Ainda de acordo com os relatos, Paulo chegou a encontrar com o casal em um supermercado e os ameaçou antes de realizar o ataque. 
Amigos das vítimas também relatam que Paulo já chegou a invadir a casa da ex, além de mandar fotos em que aparece armado e persegui-lá.  
"Crimes de ameaças de todos os tipos que se possa imaginar. Invasão de privacidade, perseguição, envio de fotos mostrando arma, fotos da família da ex do atual companheiro e seu filho na escola. Enfim... 
Tudo isso e o que mais era preciso para agir? O que bastava? Era atirar de fato? Hoje ele fez!!!", diz o trecho de um texto compartilhado nas redes sociais por um amigo do casal. 
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj