Guardas municipais que faziam a escolta de caminhão são presos por porte ilegal de arma

quinta-feira, 9 de agosto de 2018
Os guardas estavam com duas pistolas Taurus

Redação Rio Alerta


Dois guardas municipais que estavam fazendo a escolta de um caminhão foram presos em flagrante, nesta quarta-feira, na Avenida Brasil, na altura de Parada de Lucas, na Zona Norte. 


Felipe Bento Lima, de 30 anos, e Luciano dos Santos Lopes, de 54, estavam com armas particulares não registradas e foram autuados por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. 

Quando foram abordados pelos policiais, eles tentaram alegar que estavam amparados por uma lei federal, engano que foi comprovado pelos agentes.

A prisão foi feita por militares do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE). De acordo com a PM, na pista sentido Centro da Avenida Brasil, na altura de Irajá, os agentes desconfiaram dos guardas, que estavam em um Chevrolet Onix prata, observarem o caminhão Mercedes-Benz branco, a frente deles. 

Ainda em movimento, os policiais fizeram uma consulta à placa do Onix no sistema do Dentran, que não o localizou. 

Depois de abordados, os guardas foram levados à 22ª DP (Penha) e, posteriormente à Central de Garantias Norte (CG-Norte), na Cidade da Polícia, no Jacaré. Lá, além da prisão, foram apreendidos com eles duas pistolas Taurus calibre 380, três carregadores, 29 munições e distintivos com os dizeres "polícia municipal".
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj