Polícia ouve equipe que atendeu mulher que morreu no Hospital Getúlio Vargas

segunda-feira, 6 de agosto de 2018


Redação Rio Alerta

A Polícia Civil, ouve, ao longo desta segunda-feira, a equipe médica envolvida no atendimento à Irene de Jesus Bento, de 54 anos, que morreu no Hospital Getúlio Vargas após ser liberada anteriormente da unidade. 


O objetivo da investigação da 22ª DP (Penha) é esclarecer as circunstâncias que antecederam sua morte e apontar se houve ou não negligência. 

Ana Paula Araújo Noronha, médica flagrada ao celular em vídeo feito pelo filho da vítima, está sendo ouvida nesta manhã. 

Além da equipe médica que atendeu dona Irene, também serão ouvidos familiares da mulher morta, entre eles o filho que registrou em vídeo a mãe passando mal sem atendimento e os médicos na sala enquanto sua mãe agonizada na sala de espera.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj