Polícia identifica veículo usado por homem que atropelou e matou idosa e duas crianças

sábado, 15 de setembro de 2018
Polícia Civil tem imagens do momento do acidente que matou idosa e duas crianças

Redação Rio Alerta

Um Sedan. Esse foi o veículo que atropelou e matou avó e dois netos na noite da última quinta-feira, na Estrada do Catonho, em Jardim Sulacap, na Zona Oeste do Rio. 


As imagens conseguidas pela Polícia Civil mostram o momento que o veículo — em alta velocidade — faz uma ultrapassagem na curva e atinge Miriam, Raphael e Kaio. 

Todos morreram na hora. Os corpos das vítimas serão encerrados às 11h deste sábado, no Cemitério de Ricardo de Albuquerque. 

Na sexta-feira, várias testemunhas prestaram depoimentos na 33ª DP (Realengo) que apura o caso. Também na sexta, investigadores da distrital percorreram toda a região por onde o carro passou em busca de câmeras de segurança. 

Um radar eletrônico da via também servirá para ajudar na identificação do motorista que dirigia o veículo.

De acordo com Roberto Ramos da Silva, delegado que está à frente do caso, o motorista praticou homicídio com o dolo eventual (quando não deseja o resultado previsto, mas assume o risco de produzi-lo, aceitando-o e o tratando com indiferença). 

 “O carro está amassado. Pode estar até com o capô e toda a frente destruída. 

Pedimos que quem tiver informações ligue para o Disque-Denúncia (21 2233-1177) e denuncie essa pessoa que está se furtando da responsabilidade penal”, pede o delegado. 

“Tratamos o caso como atropelamento com o aumento da pena por ele não ter prestado socorro para as vítimas. 

Além do mais, podemos até entender que ele praticou o homicídio com o dolo eventual”, completou Ramos da Silva.
 
TV RIO ALERTA © 2012-2018 |:Rio Alerta Comunicação Rj